Foto: Wenderson Araujo CNA-Brasil

Após instituir o Comitê de Sanidade, a Associação Brasileira de Piscicultura (Peixe BR), entidade que reúne os diversos elos da cadeia da produção de peixes de cultivo no Brasil, criou o Comitê de Tilápia e o Comitê de Peixes Nativos, específicos para as mais importantes espécies produzidas no país e formados por representantes das empresas associadas à Peixe BR.

“A tilápia representa aproximadamente 60% da produção de peixes de cultivo no Brasil. E os peixes nativos participam com outros 35%. É responsabilidade da Peixe BR dar atenção especial às necessidades, pleitos e exigências desses segmentos”, explica Francisco Medeiros, presidente executivo da Associação Brasileira da Piscicultura.

O Comitê de Tilápia é coordenado por Celso Junqueira, da Damata Aquacultura. O Comitê de Peixes Nativos tem a coordenação de Bruno Leite, da Zaltana Pescados.

“A piscicultura é uma importante atividade de milhares de municípios brasileiros e tem um enorme potencial a ser explorado. No comitê, criamos um ambiente adequado para o desenvolvimento de toda a cadeia produtiva, contribuindo para gerando empregos e renda, movimentar a economia e levar peixes de cultivo de qualidade para a mesa da população”, destaca Celso Junqueira. O Brasil é o 4º maior produtor mundial de tilápia.

“São inúmeros os benefícios do consumo de peixes. Por isso, a atividade tem de se profissionalizar cada vez mais para atender aos mercados interno e externo.  Conhecemos de perto os problemas e desafios que temos pela frente e vamos somar forças para chegar às melhores soluções e valorização dos peixes nacionais”, afirma Bruno Leite, coordenador do Comitê de Peixes Nativos.

“Os componentes dos comitês da Peixe BR conhecem as necessidades da piscicultura. Por isso, os comitês são tão relevantes. Eles contam com profissionais, produtores e empresas que têm clareza nas prioridades nas várias frentes para fortalecer as cadeias da tilápia e de peixes de cultivo que, juntas representam mais de 95% da piscicultura brasileira”, destaca Francisco Medeiros.

Os comitês terão reuniões periódicas para discussão dos principais temas ligados às espécies, apresentar propostas e executá-las, contribuindo com a cadeia de produção de peixes de cultivo no Brasil.

Os associados da Peixe BR que desejam participar dos Comitês de Tilápia e Peixes Nativos devem enviar e-mail para: comunicacao@peixebr.com.br