Francisco Medeiros, presidente executivo da Associação Brasileira da Piscicultura (PEIXE BR), falou sobre “Produção e Compra de Pescado”, no curso “Desafios da Alimentação Escolar”, promovido pela Comissão de Aprimoramento Profissional (CAP), no dia 10 de julho, em São Paulo (SP). O público do evento era composto por técnicos, nutricionistas, veterinários, agrônomos, educadores, assistentes e estagiários da Coordenadoria de Alimentação Escolar/PMSP (CODAE).

Francisco mostrou dados da produção nacional e estadual de pescado, as principais espécies cultivadas, os parâmetros do mercado consumidor, deu ênfase à alimentação escolar e listou os tipos de controle de qualidade para pescados de cultivo.

Ele também destacou que o Brasil tem pescado de excelente qualidade com certificações internacionais para exportação de filé para os EUA, o mercado mais exigente em termos sanitários. “O mundo sofre um problema grave: a obesidade infantil. O peixe é a solução para a educação alimentar saudável. Na Inglaterra, por exemplo, o peixe foi introduzido duas vezes por semana na alimentação escolar, com o objetivo de reduzir os níveis de obesidade infantil e formar cidadãos com hábitos alimentares saudáveis”.